Tecnologia | 25 Novembro, 2020 - Por Ludmilla Krieger

Tendência: casas pré-fabricadas

As casas pré-fabricadas vêm ganhando cada vez mais espaço e se tornaram tendência nos últimos anos. Por essa razão, hoje viemos falar um pouco sobre suas características e trazer alguns exemplos de projetos minimalistas e elegantes que chamam a nossa atenção!

Tendência: casas pré-fabricadas

Entre as vantagens desse estilo de construção, podemos citar principalmente a economia de tempo, pois as casas são erguidas a partir de módulos ou peças fabricadas antes de irem para o canteiro de obras. Essa fabricação permite que sejam projetos mais sustentáveis, já que o processo, apesar de industrial, é realizado em série de forma mais limpa, rápida, precisa e com menor consumo de energia, além de permitir a redução de resíduos da obra. 

 

Projeto utilizando container e revestimento de madeira

 

Apesar do custo ser considerado como mais elevado, os projetos pré-fabricados acabam sendo vantajosos, pois o tempo de obra é mais curto, há menos mão de obra e há chances menores de surgirem gastos imprevistos. Por outro lado, uma desvantagem considerável das obras pré-fabricadas é o gasto com transporte. Pelo grande volume e peso dos componentes, o custo de frete pode ser alto, porém, possivelmente minimizado com a escolha de uma empresa que seja próxima ao local da obra, por facilitar o transporte.

 

Interior de uma casa pré-fabricada

 

Não é segredo que a aqui na SPOTCASA prezamos por espaços com personalidade e elegância, seja em sua forma, disposição ou na decoração dos ambientes. E isso, já é possível de ser encontrado entre as construções pré-fabricadas, onde a disposição dos módulos pode ser totalmente agregada ao entorno, tirando o máximo de proveito do ambiente interno integrado ao externo. Por outro lado,  diferente de projetos convencionais, nos quais o cliente final e o arquiteto definem tamanhos e necessidades que os ambientes irão atender, para casas pré-fabricadas é necessário que o projeto siga um dos modelos disponibilizados pelo fabricante dos módulos.

Entre os diversos modelos, existem diferentes materiais que podem ser utilizados nesse tipo de construção, como madeira, aço, concreto, containers e muitos outros. Conheça alguns:

 

Madeira

Essas são as mais conhecidas. A construção pode ser completamente de madeira ou até mesmo mista, utilizando alvenaria e madeira, por exemplo. Mesmo sendo um único material, existem várias opções de personalização, variando o revestimento, o tipo da madeira, se serão utilizados troncos inteiros etc.

Para esse material há vantagens e desvantagens que devem ser consideradas. A parte positiva é que a madeira é um isolante térmico natural, possibilitando o conforto térmico interno em todas as estações do ano. No entanto, é necessária uma maior manutenção, como aplicação de verniz nas paredes e ajustes das esquadrias, pois há maior possibilidade de dilatação da madeira.

 

Alvenaria

São utilizadas chapas de concreto pré-moldadas, que são encaixadas em perfis metálicos e como citamos antes, esse tipo de construção é mais fácil e rápido do que o convencional, mas exige que determinadas adaptações sejam realizadas no terreno e previamente estabelecidos em projeto os pontos de gás, esgoto, energia e água, que servem também para todos os tipos de construções pré-fabricadas.

 

Casa pré-fabricada com vão e dois andares

 

Painéis de EPS

Inicialmente pode causar um certo espanto ao imaginar uma casa construída de "Isopor", mas, diferente do que se pensa, existem várias vantagens em construir uma casa de isopor (ou melhor, poliestireno expandido). Entre seus diferenciais, podemos citar o fato de dispensar o uso de água na construção, menor custo do material, redução do número de pilares e vigas, conforto térmico e acústico etc. 

O uso do poliestireno expandido também permite acabamentos como de casas de alvenaria e diferentes formatos, possibilitando um projeto mais personalizado, diferente dos blocos de madeira e alvenaria.

 

Containers

As construções que possuem esse tipo de pré-fabricação são, geralmente, mais baratas e sustentáveis que uma comum, além de ser um material extremamente leve e resiliente. Diferente da madeira, por exemplo, um projeto em container exige tratamento acústico e térmico especializado, e consequentemente, a aquisição do container que possui espaços pré definidos.

 

Casa em container na Califórnia

 

Enquanto não é possível ousar tanto com as construções pré-fabricadas (apesar de adorarmos as linhas retas e simples), a SPOTCASA convida você a conhecer nossos produtos que seguem o design minimalista que pudemos observar nos projetos acima. Visite nosso site e confira.

Mais posts de Tecnologia

Nossos últimos posts

15/10/21 | Tecnologia

Banheiras Air Massage: Design, Conforto e Praticidade

Por Julian Oenning - 25 Novembro, 2020

13/10/21 | Tecnologia

Comfy na decoração: Texturas, tons neutros e o artesanal

Por Beatriz Petruncko - 25 Novembro, 2020

parcelamento em até 12x s/ juros

atendimento exclusivo

entregamos em todo Brasil

casa showroom em São Paulo-SP

novidades e campanhas toda semana

revista com conteúdo semanal